Alimentos Ricos Em Vitamina D Para Suas Refeições

Alimentos Ricos Em Vitamina D Para Suas Refeições

Nesse texto, abordaremos benefícios e consequências da deficiência desses nutrientes. A deficiência da vitamina D está relacionada com uma diminuição da absorção de cálcio, desencadeando uma redução na mineralização óssea. Pode provocar raquitismo em crianças e osteomalácia em adolescentes e adultos. O raquitismo pode causar baixa estatura, redução no crescimento e deformidades esqueléticas. A osteomalacia, por sua vez, pode ser assintomática, mas também pode provocar dor nos ossos e fraqueza muscular.

Esse processo estimula a produção de vitamina D dentro do organismo e também pode ajudar em outras questões. É sempre importante lembrar que também é preciso tomar os devidos cuidados ao se expor aos raios ultravioletas. A prevenção dicas de alimentação de doenças é mais uma vantagem que quem consome alimentos ricos nesse nutriente terá, já que ela contribui contra a hipertensão, doenças cardiovasculares, diabetes, câncer e ainda ajuda a aumentar a nossa imunidade.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia, não é indicada a suplementação generalizada de vitamina D. Ainda de acordo com a sociedade, os benefícios do tratamento com essa vitamina são mais evidentes nas populações com risco para desenvolver a sua deficiência, como idosos e pessoas com síndromes de má absorção intestinal. As duas formas de vitamina D, após sua ingestão ou formação na pele, estão na forma inativa, e, para tornarem-se ativas, necessitam passar por dois processos de hidroxilação. Vitamina D é um termo adotado para referir-se a uma molécula que apresenta quatro anéis de colesterol. Apesar de ser conhecida como uma vitamina, esse nutriente orgânico é bem diferente das outras substâncias desse tipo, uma vez que é produzido no nosso corpo e não obtido apenas na nossa alimentação.

Devido à falta de vitamina C, o escorbuto pode causar até perda dos dentes. Clique aqui e compreenda melhor o que é essa doença e como a prevenir. Suplementação, adaptada a seu porte físico e níveis de saúde, sempre com acompanhamento médico e/ou de um nutricionista. Em 25 de março de 2020, pesquisadores da Università degli Studi de Turim, Itália, divulgaram um estudo intitulado “Possível papel preventivo e terapêutico da vitamina D no gerenciamento da pandemia de Covid-19”. No manuscrito, os autores relacionam a suplementação de vitamina D à prevenção e tratamento da Covid-19, em associação com outras medidas preventivas essenciais5. Para pessoas com mais de 70 anos de idade, é recomendada a verificação dos níveis de vitamina D no organismo pelo menos uma vez a cada seis meses2.

Quais alimentos são fontes de vitaminas D?

A escolha de ovos de galinhas criadas soltas ou alimentadas com alto teor de vitamina D pode ser uma ótima maneira de atender suas necessidades diárias. O salmão de criação, por sua vez, contém apenas 25% dessa quantidade. Ainda assim, uma porção de salmão de criação fornece cerca de 250 UI de vitamina D ou 32% da IDR .

O cogumelotambém pode ser uma opção para estabilizar o nível da vitamina no organismo de pessoas veganas, que não consomem alimentos de origem animal, contendo cerca de 400 UI de vitamina D em 100g. Os tipos de queijo que mais possuem vitamina D são o cheddar, suíço e queijo ricota. Apesar disso, é necessário atentar-se ao teor de gordura que eles também carregam. O melhor horário para que haja sintetização da vitamina D pelo organismo é das 10h às 15h, devido ao ângulo das incidências de raios solares. A vitamina A atua principalmente na visão, mas também possui papel importante como antioxidante e no funcionamento do sistema imunológico.

Chef Ravioli Entra Para O Time Do “melhor Da Tarde”

Lembrando que dificilmente se conseguirá alcançar a quantidade suficiente apenas com alimentação. O sol, é importante repetir, é fundamental para que o próprio corpo sintetize a vitamina D. Você sabia que para manter bons níveis de vitamina D no organismo é imprescindível pegar sol diariamente?

Fao Destaca Importância Crescente De Cadeia De Abastecimento De Alimentos Nas Emissões De Co2

Gostou de saber como aumentar seus níveis de vitamina D no sangue? Para receber mais dicas de saúde e bem-estar da Unimed Fortaleza, inscreva-se abaixo em nossa newsletter e receba em primeira mão nossas novidades. É muito importante que, antes de inserir estes alimentos na sua rotina alimentar, você consulte um nutricionista.

Melhor Horário Para Tomar Sol E Produzir Vitamina D

Isso porque a exposição aos raios solares é fundamental para ativar a produção e absorção de vitamina D. Ou seja, não adianta apenas ter uma alimentação rica no nutriente, também é importante se lembrar de tomar um pouco de sol diariamente. De acordo com a nutricionista Cristiane Coronel, esse é um hábito primordial para deixar o corpo bem munido de vitamina D. A vitamina D pode ser adquirida por meio de alguns alimentos de origem animal, como peixes, ovos, fígado e derivados do leite, e no cogumelo shiitake. Ela também pode ser sintetizada na epiderme pela ação dos raios ultravioleta, que atuam sobre o 7-dehidrocolesterol. É importante destacar que a produção de vitamina D a partir da pele tende a diminuir com a idade.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *